Campeonato Maranhense

Raio X do Campeonato 

Divisões: 2
Realizado desde: 1918
Período de disputa:  Janeiro a Abril
Número de clubes na 1ª Divisão: 8
Primeiro campeão:  Luso Brasileiro (1918)
Maior campeão: Sampaio Corrêa (1933)
Campeão atual: Imperatriz (2019)

Regulamento e fórmula de disputa do Campeonato Maranhense

Primeira fase: As 8 equipes jogam entre si em turno único, com os 4 primeiros avançando para segunda fase.

Semifinais e Finais: As semifinais são disputadas em cruzamento olímpico (1º colocado x 4º colocado e 2º colocado x 3º colocado) em jogos de jogos de ida e volta. A final do Campeonato Maranhense também será realizada em jogos de ida e volta.

Rebaixamento: o último colocado da primeira fase estará rebaixado para a segunda divisão.

Vagas:  o campeão ganha vaga na Copa do Brasil e Copa do Nordeste. O vice campeão tem vaga na Copa do Brasil. O melhor colocado que não esteja em nenhuma divisão do campeonato brasileiro entra na Série D do Brasileirão.

Tabela do Campeonato Maranhense

Curiosidades do Campeonato Maranhense 

  • Os campeonatos de 1927 e 1928 não tem seus campeões reconhecidos pela Federação, pois não foram finalizados. 

Principais jogadores revelados pelo futebol maranhense 

  • França: o maranhense França foi revelado ao futebol pelo Nacional de Manaus em 1993 e destacou-se na carreira atuando pelo São Paulo e Bayer Leverkusen.
  • Kleber Pereira: jogando no time de juniores do Cruzeiro do Anil de São Luís, o centroavante foi descoberto pelo Moto Club onde começou profissionalmente. Teve grande destaque jogando pelo CAP, Santos e Sion da Suiça.
  • Oliveira: iniciou a carreira atuando pelo Tupan do Maranhão, nas categorias de base e chamou a a atenção de olheiros do Anderlecht da Bélgica, onde jogou por 3 temporadas, entre 1985 e 1988. Marcou 36 gols e tornou-se ídolo no clube. Naturalizou-se belga e jogou 31 partidas pela seleção da Bélgica, marcando 7 gols.
Marcações: